Pecadinho ou Pecadão ...

Olá caros leitores !!!!!! Voltei , depois de uma longuíssima pausa imposta por questões pessoais. E novamente fujo a minha especialidade, a Música. Mais uma vez , à luz dos atuais acontecimentos, sou impelida a falar sobre um assunto recorrente : A Honestidade ou a ausência dela .


Após a recente descoberta das malas “Gedelescas’’ e outras gavetas , mochilas , cuecas , envelopes etc... acondicionando milhões de reais provenientes de enlaces ilícitos , recorreram-me as seguintes indagações:


O que te difere dos Gedéis , Calheiros , Neves , Jucás da vida?

Você se beneficiaria ou beneficiaria a próximos em algum esquema fraudulento?

Você denunciaria tais conchavos corruptivos?

Ou

O cidadão brasileiro oprimido , sofrido , carente , seria efetivamente honesto ?

Como enquadramos o célebre e admirável jeitinho brasileiro de levar vantagem em qualquer oportunidade?


Todos os dias vivencio uma ópera bufa , me esbarrando em cenários que demonstram o quanto nós, cidadãos comuns, somos gatunos , desde as situações mais primárias.


Na última quarta-feira à noite, adentrei num ônibus da linha Integração Aeroporto – Praça da Sé , em direção ao bairro Boca do Rio . Ao me aproximar do cobrador , este pegou o dinheiro , me ordenando que sentasse nas cadeiras exclusivas dos idosos . Chegando ao meu destino , recebi o troco , porém o cobrador não girou a catraca se apropriando dos míseros R$3,60 para tomar um refrigerante ou uma piriguete refrescando-se no nosso aquecido inverno . Será um adicional pela insalubridade da profissão? Não foi a primeira vez e nem será a última que isto acontecerá.


Motoristas do UBER após recepcionarem os passageiros , pedem para os mesmos cancelarem a viagem , os transportando de forma particular e assim não repassando o percentual de 25% de direito do aplicativo.


Nos dois casos citados acima , fui omissa , conivente , aceitei , não reagi e contribuí para a manutenção do pequeno esquema. Sou cúmplice?


Donos de estabelecimentos comerciais , bares , restaurantes , lanchonetes, cobram quase obrigatoriamente o opcional de 10% , mas quase nunca transferem aos seus funcionários.


Certos estabelecimentos comerciais , bares , restaurantes , quiosques , boates , cobram obrigatoriamente Couvert “artístico” , mas não transferem integralmente , exigindo uma cota do valor destinado aos artistas que estão exercendo seu difícil oficio na casa.


Os não suficientes estacionamentos privados extorquem motoristas com preços abusivos. Atrasou 1 minuto , paga mais uma hora inteira .

Flanelinhas ( guardadores de carro) se apossam da via pública , aguardando ávidos e ansiosos , como vampiros sanguessugas , coagindo e ameaçando motoristas e obrigando os mesmos a pagar antecipadamente pela “segurança” do automóvel. Após o pagamento, o flanelinha some ligeirinho, como um guepardo.

Até já pensei em fazer um extra como uma charmosa guardadora de carro.


Comprovantes de matrícula e carteiras de estudantes falsas circulam lepidamente , concedendo direito indevido a meia-entrada , lesando o artista e amplificando a dificuldade de produção de qualquer espetáculo artístico ou cultural no nosso país .


A pirataria se alastra pelo país , no passado CDs e DVDs , hoje , programas de computador , jogos , brinquedos , peças eletrônicas , automotivas , perfumes , óculos etc... E você? Já se utilizou conscientemente da pirataria ? Seu Windows é original ? Seu carregador do celular é by Camelot? Você faz a manutenção do seu carro na autorizada? Seu perfume é cópia ? Já possuí coleções raras de CDs e DVDs piratas , filmes em cartaz no cinema da época , óperas , musicais , e muito mais. Eu podia encomendar tudo o que eu desejasse . Sou desonesta?


Em várias oportunidades fui às compras , aqui mesmo no bairro em que resido , um paraíso para os consumistas . Fico loucaaaa !!!!! Após o pagamento geralmente peço a nota fiscal, nesse momento , o tempo para, abre-se um plano paralelo , as vendedoras se entreolham de modo perturbador e como um Tiranossauro prestes a atacar me dizem:

- O talão acabou .

Eu argumento:

- Mas se precisar trocar como eu faço?

Resposta :

- Pode vir trocar minha flor , não precisa de nota não. Traz na sacola da loja.

Sonegação de impostos acontece frequentemente em lojas de bairros populares.


Clínicas e Institutos de estética , em bairros nobres , cobram por suas consultas ou procedimentos valores diferenciados de acordo a emissão ou não da nota fiscal. Com nota fiscal o valor sofre um acréscimo médio de 30%. O cliente opta evidentemente pelo menor valor e a empresa continua deliberadamente sonegando imposto. O cliente é cúmplice?


Beneficiários de projetos assistencialistas como Minha Casa Minha Vida , que trapaceiam a respeito das reais condições financeiras se colocando em situação de miséria, para estarem aptos à contemplação e após o recebimento dos imóveis automaticamente os revendem ou alugam , roubando o lugar da fila e extinguindo as chances de cidadãos em verdadeira condição de miserabilidade.


Beneficiários do INSS , recebendo auxilio doença ou aposentados por invalidez com doenças forjadas . Patroas que não assinam carteira de trabalho de suas respectivas secretárias , descumprindo as leis trabalhistas e humanas. Atestados médicos duvidosos para justificar a falta no trabalho. Venda ou facilitação da carteira nacional de habilitação. Gatonet. Pensando bem, todos os tipos de gato que não sejam do reino animal.


Já estou exausta e poderia continuar enumerando pequenos deslizes nossos de cada dia. Te pergunto : Um pequeno pecado , deixa de ser pecado por ser menor?

Trapaceamos sem deixar a nossa área de conforto , no limite justificável que nos permite manter nossa auto imagem intacta, de indivíduo honesto. Queremos nos beneficiar ao máximo da malandragem, sem perder o status de honradez ao nos olharmos no espelho . Ou seja, o pequeno delito nos mantêm cidadãos exemplares , maravilhosos.


Se houvesse a possibilidade de subir de nível , mudar de faixa dentro do esquema da maracutaia , obter maiores benefícios , quantias vultuosas , favorecer amigos e familiares , ter poder e influência , como você se portaria ? Se manteria firme , ou tornaria seus princípios mais maleáveis?


O que te difere dos Gedéis , Calheiros , Neves , Jucás da vida?


Quer mudança? Comece por você. Transmute seus pensamentos e suas ações . Se não consegue praticar em você mesmo , como esperar dos outros?

1 visualização0 comentário