O Projeto do BRT em Salvador: Existem vantagens?

 Imagem: Metro1

 

 

BRT (Transporte Rápido por Ônibus) é um sistema de transporte no qual são criadas pistas exclusivas para coletivos urbanos com o objetivo de reduzir o tempo de deslocamento das linhas. É esse modal que atualmente está em discussão em Salvador, já que a prefeitura pretende instalar elevados e viadutos para implantar a obra em breve. Uma das primeiras audiências para apresentar impactos ambientais e os benefícios da obra aconteceu há 4 anos. De lá pra cá, outras audiências foram realizadas, mas somente agora a população começa a questionar a validade desse projeto.

 

No total são 12 quilômetros integrando a Estação da Lapa à Estação do metrô do Iguatemi, com oito viadutos ao longo do caminho. 408 milhões serão investidos apenas na primeira fase. Especialistas estão afirmando que esse modelo é “ultrapassado” e que tantos viadutos desvalorizam imóveis no seu entorno, além de causar poluição visual. Cidades que implantaram o sistema há alguns anos – como Rio de Janeiro e Bogotá - já estão desativando as vias. O percurso a ser utilizado atenderia um número pouco significativo de usuários, já que o metrô atende a rota por outro caminho. Por fim, o projeto prevê a retirada de pelo menos 579 árvores situadas no trajeto e tamponar o Rio Lucaia.

 

De fato, o custo para tocar a obra é elevado, visto que, como mencionado acima, o metrô atende uma boa demanda e a via a ser utilizada abrange duas avenidas de vale (Vasco da Gama e Juracy Magalhães). Um gasto, a meu ver, desnecessário para construir elevados que, segundo informações, seriam muito semelhantes aos projetados na Avenida Mario Leal Ferreira (Bonocô). Não seria nada estratégico mais viadutos e gigantes de concreto em nossas vias públicas. Também não atenderia a população que reside nos bairros mais distantes e periféricos. No mais, existem tendências para a utilização de meios de locomoção menos poluentes, como é o caso da bicicleta. Estudos da ONG Transporte Ativo indica crescimento de 45% no número de ciclistas nas grandes cidades brasileiras no ano de 2015.

 

Porém, um dos grandes problemas de programas desse porte é a retirada de árvores que atrapalhariam o andamento do processo de conclusão da obra. A prefeitura defende que replantará em outros locais. A questão, contudo, é a escassez dessa vegetação nas principais vias, e não o seu remanejo. A atual gestão municipal já mostrou iniciativas para modificar a paisagem da cidade, porém, não tem dado devida atenção à arborização das ruas. A orla marítima da cidade dispõe de rara vegetação e as poucas árvores que restam não recebem cuidados e não há planos para o plantio de flora típica dessa região. Alguns protestos foram realizados pela sociedade civil contra a instalação do BRT. Muitos dos manifestantes pediam a revitalização do Rio Lucaia, bastante poluído, e não a sua extinção. Outros tamponamentos já foram feitos pela gestão passada no bairro do Imbuí e na Avenida Centenário. No entanto, transformaram-se em locais de lazer e entretenimento. Tapar um rio com um gasto considerado excessivo e implantar um sistema de transporte controverso já provoca outros questionamentos.

 

Não considero de suma importância instaurar um projeto que ocasione tamanha desconfiança por parte da população, mal divulgado, e que pretende atender um segmento da população já contemplado pelo metrô – modal menos poluente e que agrega mais passageiros. Não se trata apenas de “gerar oposição”, mas inquirir sobre as suspeitas vantagens que o transporte terá, mudando consideravelmente estruturas de uma cidade que já possui graves contratempos.

 

FONTE:

 

http://transportedigitalnews.com.br/site/audiencia-publica-dia-30-avalia-impacto-ambiental-do-brt-em-salvador/

 

https://www.metro1.com.br/noticias/cidade/34609,especialistas-avaliam-brt-de-salvador-como-solucao-ultrapassada-que-vai-se-esgotar.html

 

http://www.mobilize.org.br/noticias/10909/obra-do-brt-de-salvador-vai-derrubar-centenas-de-arvores.html

 

http://g1.globo.com/jornal-nacional/noticia/2016/01/cresce-o-uso-da-bicicleta-como-meio-de-transporte-em-cidades-brasileiras.html

 

https://g1.globo.com/ba/bahia/noticia/grupo-protesto-contra-derrubada-de-arvores-e-tamponamento-de-rios-com-do-brt-de-salvador.ghtml

 

 

 

Compartilhar
Please reload

RECEBA AS NOVIDADES

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon
  • Grey G+ Icon

© 2019 por Soteroprosa | Design por Stephanie Nascimento. Implementação e suporte por Wix.com.